Novidades

Allo – O concorrente do Google para o WhatsApp.

  • O WhatsApp possui mais de 1 bilhão de usuários em todo mundo

    por Jefferson Elias Vaz em 19/05/2016 10h10


Allo – O concorrente do Google para o WhatsApp.

 

Será que existe algum aplicativo que consiga superar o WhatsApp? Hoje, a plataforma possui mais de 1 bilhão de usuários em todo mundo, mais de 42 bilhões de mensagens são trocadas entre os usuários todos os dias e vários outros números bastante expressivos acompanham a jornada do aplicativo, que foi comprado pelo Facebook.

Ao que tudo indica, o Google ignorou todos esses números e resolveu lançar sua arma (em formato de aplicativo) para concorrer com o WhatsApp, Telegram e Facebook Messenger. O nome não poderia ser melhor: o novo aplicativo se chama Allo e foi anunciado durante o evento Google I/O 2016.

Além do que se espera de um aplicativo de troca de mensagens (envio de foto, vídeo, criar grupos, indicadores de envio e recebimento de mensagens, emojis e stickers personalizados que no aplicativo serão chamados de “Expressions”), o Allo traz algumas facilidades e inovações para se destacar frente aos aplicativos já disponíveis no mercado.

Uma das mais interessantes é que, juntamente ao Google Assistant, o aplicativo proporciona uma experiência inovadora. Com ele, é possível pesquisar os filmes em cartaz e saber como está o trânsito em determinada região, dentre outras coisas. Além disso, quando seus amigos mandarem uma mensagem para você, o app oferecerá respostas automáticas criadas a partir de uma estrutura de programação especializada em aprender como você responderia cada mensagem. Segundo Erik Kay, diretor no Google, o Allo é um mensageiro inteligente que “aprende com o tempo” e torna suas conversas mais fáceis e produtivas.

Outro ponto interessante é que o Allo sugere dicas e tópicos para conversas. Nunca mais teremos o problema de ficar sem assunto em um grupo ou com os amigos! Parece loucura né? Mas é só a Google, inovando como sempre. De acordo com a empresa, o aplicativo estará disponível em poucos meses, gratuitamente, para as plataformas IOS e Android.

 

Fonte Blog Quartel